fbpx
Card image

RolêSP Guaianases: o primeiro Povoado no “Caminho dos Guaianás”

Apresentação

O RolêSP é uma proposta de Ação Educativa que visa apresentar e aproximar os participantes do potencial cultural, social, natural e patrimonial da cidade de São Paulo, contribuindo, desse modo, para uma maior identificação dos participantes com temas socioculturais relevantes para a compreensão crítica e reflexiva de nossa realidade social, étnico-racial, econômica e cultural. Essa Ação Educativa, que consiste em Aulas On-line, via transmissão ao vivo, interativas e dialogadas, não apenas estimulam um aprendizado espontâneo e divertido, mas também contribuem para o fortalecimento dos laços de confiança e amizade entre os mesmos.

Parâmetros da Ação Educativa

Com o objetivo de proporcionar aos participantes uma compreensão crítica e reflexiva de nossa realidade social, étnico-racial, econômica e cultural, os parâmetros da Ação Educativa proposta estão organizados nos seguintes eixos estratégicos:

  • Identidade e pertencimento ao Território

Proporcionar noções de identificação e pertencimento em relação ao território;

Promover a inclusão e o acesso a mobilidade urbana, bem como a compreensão da espacialidade da cidade, suas determinações históricas, sociais, culturais e artísticas;

Estimular a apropriação social dos equipamentos urbanos, culturais e artísticos da cidade;

  • Diversidade étnico racial, de gênero e de orientação sexual

– Incluir ações afirmativas, promover a igualdade e combater a discriminação, o preconceito e a desigualdade racial no âmbito do atendimento educativo com o objetivo de erradicar as injustiças e a exclusão social;

– Promover a autoestima dos participantes, sua especificidade de gênero e étnico-racial, enfatizando a autovalorização e o auto respeito;

– Implementar ações voltadas à valorização, promovendo a participação familiar e comunitária;

  • Cultura e lazer

– Propiciar o acesso a programações culturais, teatro, literatura, dança, música, artes, constituindo espaços de oportunização da vivência de diferentes atividades culturais e artísticas, e também de favorecimento à qualificação artística, respeitando as aptidões dos participantes;

– Propiciar o acesso dos discentes a atividades de lazer como instrumento de inclusão social, sendo as atividades escolhidas com a participação destes e respeitados o seu interesse;

– Assegurar no atendimento educativo espaço a diferentes manifestações culturais dos participantes;

A partir de uma ampla pesquisa histórica – iconográfica, oral, documental e bibliográfica – buscamos reconstituir os momentos mais determinantes da complexa formação história de Lajeado e Guaianases, localizados na Zona Leste da cidade de São Paulo que abriga um terço da população total da cidade.

Professores

DANIELLE FRANCO DA ROCHA
Doutora em História Social pela PUC-SP, Mestre em Ciências Sociais e Bacharel em Ciências Econômicas pela PUC-SP. Professora e Pesquisadora do Instituto Bixiga. Professora de História e Educação Patrimonial nas Licenciaturas de História, Letras e Pedagogia. Professora do Curso de Especialização em História, Sociedade e Cultura da PUC-SP. Tem experiência nas áreas de História, Educação, Economia, Sociologia, e Serviço Social. Atuando nos seguintes temas: História Social da Cidade, Educação Patrimonial, História Brasileira e Latino Americana. Pesquisadora do Centro de Estudos de História da America Latina (CEHAL) ambos do Programa de Estudos Pós-Graduados em História Social da PUC-SP.

EDIMILSOM PERES CASTILHO
Doutor e Mestre em História Social pela PUC-SP. Graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Uberlândia. Professor e Pesquisador do Instituto Bixiga. Professor de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Ibirapuera UNIB. Professor do Curso de Especialização em História, Sociedade e Cultura da PUC-SP e do Curso de Especialização em Arquitetura e Urbanismo do SENAC-SP. Tem experiência nas áreas de História Social da Cidade, Arquitetura e Urbanismo, Arquitetura da Paisagem. Atuando nos seguintes temas: História e Cidade, Educação Patrimonial, História da Arquitetura e Urbanismo, Mapeamento e Informação em Cidade, Planejamento Territorial. Pesquisador do Núcleo de Estudos de História Social da Cidade (NEHSC) e do Centro de Estudos de História Latino-Americana (CEHAL) ambos do Programa de Estudos Pós-Graduados em História PUC-SP.

ERIBELTO PERES CASTILHO
Doutor e Mestre em História Social pela PUC-SP. Bacharel em Direito pela PUC-SP. Bacharel e Licenciado em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Professor e Pesquisador do Instituto Bixiga. Professor adjunto IV do Curso de Direito da Faculdade Zumbi dos Palmares (FAZP). Professor do Curso de Especialização em História, Sociedade e Cultura da PUC-SP. Tem experiência nas áreas de História, Economia, Direito, Ciência Política, Serviço Social, atuando nos seguintes temas: História e Economia Brasileira e Latino Americana, Direito, Sociologia, Serviço Social. Pesquisador do Centro de Estudos de História Latino-Americana (CEHAL) e do Núcleo de Estudos de História Social da Cidade (NEHSC), todos ligados ao Programa de Estudos Pós-Graduados em História da PUC-SP.

Descrição da Ação Formativa

  • Curso Online: os encontros são realizados por meio de plataforma de videoconferência que permite aos educadores e pesquisadores do Instituto Bixiga ministrarem o conteúdo proposto remotamente, em tempo real, interagindo diretamente com a equipe técnica por vídeo, áudio e bate-papo.
  • Acesso dos participantes da Ação Formativa, mediante cadastro, ao Curso EAD hospedado em plataforma de aprendizagem virtual (e-learning/LearnDash) do site do Instituto Bixiga www.institutobixiga.com.br.
  • Compartilhamento digital do Material de Apoio/Complementar.
  • Lista de Filmes que guardem relação com a Ação Formativa.
  • Certificação de participação a todos os integrantes da Ação Formação.

Consulte nossos Planos Especiais para Grupos (11) 99388-3825

* A proposta de Ação Formativa segue os parâmetros determinados pela PORTARIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO – SME Nº 8.804 DE 20 DE DEZEMBRO DE 2019.

**O Valor/hora trabalhado (Palestra) segue a parâmetro determinado pelo COMUNICADO SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO – SME Nº 222 DE 27 DE FEVEREIRO DE 2009.

*** A Ação Formativa inclui 2 horas aula com os alunos e horas atividades de elaboração e planejamento.

Trajetos Históricos

Localizado numa região denominada Baixada das Bananeiras pelos primeiros habitantes indígenas Guaiás, esse pequeno povoado que serviu de pouso de tropeiros na São Paulo Colonial já contava em 1802 com um pequeno casario e vendas, rodeado por chácaras de produção agrícola.

Com a chegada da ferrovia em 1875, a região recebeu diversas famílias de imigrantes e na década de 1950 passou a apresentar um crescimento urbano expressivo com a chegada de migrantes inter-regionais de todo o Brasil.

Desde então, Guaianases e Lajeado tornaram-se prioritariamente local de moradia da classe trabalhadora paulistana, mas também de muitas Lutas e Resistências populares.

Segundo o IBGE, os distritos de Lajeado e Guaianases somavam uma população de quase 270 mil habitantes em 2010 predominando como umas das regiões de maior densidade demográfica do município de São Paulo.

Entre em contato pelo WhatsApp