São Paulo, Cidade Indígena

Quer saber mais sobre a influência da Cultura Indígena na História de São Paulo, curso online aqui.

O município de São Paulo tem a maior população autodeclarada indígena residindo em área urbana do Brasil e é o quarto em população total, segundo levantamento do IBGE 2010.

IBGE, 2010

Esses dados podem ser conferidos nesta publicação do órgão de 2012 que demonstra que o município contava com 11.918 indígenas residindo em área urbana dos 12.977 contabilizados. O critério utilizado para o levantamento dos indígenas nos Censos Demográficos é a autoclassificação ou auto identificação, independentemente de quem foi o informante, o próprio ou não.

Em São Paulo, a população indígena está concentrada em comunidades localizadas na zona sul e norte do municio, mas também é encontrada distribuídas por diversos bairros da cidade. Confira na plataforma interativa e colaborativa Mapa Guarani Digital e no site Terras Indígenas no Brasil.

Apesar dos dispositivos previstos no Estatuto do Índio de 1973 e na Constituição Federal de 1988 para preservar a cultura indígena brasileira, seus direitos e garantias são constantemente violados, com o direito à terra por falta de demarcação das terras indígenas.

Confira a música “Demarcação Já!” em homenagem aos povos indígenas do Brasil. Pelo direito à terra, pelo direito à vida!

Em 2008, foi revisada as diretrizes e bases da Educação Nacional brasileira e incluído no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena”, por meio da Lei 11.645/08.

Jean-Baptiste Debret, integrante da Missão Artística Francesa de 1816 no Brasil, retratou, pelo olhar do colonizador, a diversificada cultura indígena em sua obra, inclusive em suas viagens à São Paulo.

Quer saber mais sobre a influência da Cultura Indígena na História de São Paulo, curso online aqui.

E acompanhe as novidades do Instituto Bixiga cadastrando-se gratuitamente no site aqui.

Artigos relacionados

Open chat
Entre em contato pelo WhatsApp